fbpx

A realidade das compras pela internet se consolida a cada dia no Brasil e no mundo. Não é à toa que a pessoa mais rica do planeta atualmente é dona de um dos maiores impérios do e-commerce do mundo: a Amazon.

Muito do sucesso do comércio eletrônico se deve à cultura digital. As pessoas estão cada vez mais propensas a centralizar suas ações em dispositivos online, seja a busca por serviços, relacionamentos, comodidades e compras. É justo aí que entra o marketing digital como ferramenta indutora de oportunidades.

As vendas pela internet são facilitadas quando se ativa uma campanha de marketing digital focada em resultados, com esforços equivalentes ao porte do cliente e seu desafio de mercado. E isso o marketing digital faz como ninguém.

Reunimos neste artigo algumas vantagens do marketing digital para o e-commerce. Conheça um pouco mais.

Custo relativo baixo

Nas estratégias tradicionais, por exemplo, é preciso um investimento muito alto em mídia para gerar resultados em vendas. Os espaços publicitários em televisões, rádios e revistas são vendidos a preços muito elevados, o que mina a possibilidade de investimento de diversos anunciantes.

Já no marketing digital, os valores envolvidos são absolutamente menores. E não é uma questão de mídia desvalorizada, mas de impacto individual. Isso porque a publicidade é direcionada para um público conhecido de forma individualizada. Em muitos modelos de negócios, o anunciante só paga pelo consumidor atingido. Evita-se assim a dispersão de mídia, ou seja, pagar e atingir um público que não é comprador.

O marketing digital permite que a publicidade de produtos só seja exibida para possíveis compradores, otimizando os esforços de mídia e vendas.

Mas lembre, é um mito achar que marketing digital é de graça ou quase isso. Investimentos em mídia e no trabalho de profissionais especializados é sempre recomendado.

Mensuração em tempo real

Imagine planejar uma estratégia de comunicação, implementar cada detalhe, gerar as vendas e só depois de tudo realizado saber o resultado consolidado, com números e dados colhidos e analisados a posteriori. Esta realidade não existe no marketing digital.

As ferramentas online possibilitam mensurar resultados em tempo real. Números de audiência, vendas realizadas, leads captados, engajamento do público, etc. Cada ação é passível de virar um indicador para a tomada de decisão. São os KPI’s, fundamentais para análise de dados e criação de um panorama de resultados.

Com dados sendo mostrados e analisados em tempo real, um profissional de marketing digital terá condições de corrigir falhas, aumentar os esforços no que está funcionado e fazer testes para encontrar a melhor abordagem para chegar no consumidor.

Foco no consumidor ideal

Na internet, cada pessoa é conhecida por seus perfis e rastros que deixa na sua navegação diária. O marketing digital é capaz de seguir essa trilha e identificar — com ética e sem invadir a privacidade — o perfil de público procurado por uma loja virtual.

A construção da persona leva ao consumidor ideal e à sua jornada de compra, que uma vez identificada deve ser o foco das ações digitais. Produtos do e-commerce e conteúdos exclusivos criados são ofertados à persona em momentos e locais estratégicos, o que leva a uma compra mais engajada e sem obstáculos.

No marketing digital é possível focar 100% das ações no consumidor ideal, concentrando esforços no público-alvo sem dispersão de mídia.

Múltiplas ferramentas

O marketing digital vai além da exibição de anúncios. Seu maior diferencial é agregar múltiplas ferramentas e estratégias para alcançar os objetivos de uma loja virtual.

Para gerar vendas, uma loja virtual pode anunciar nos serviços de publicidade do Google e do Facebook, usar o marketing de buscas para aumentar o tráfego na plataforma de vendas, produzir conteúdos para educar e conscientizar o público sobre o produto, engajar as pessoas nas mídias sociais e fazer campanhas de vendas por meio do e-mail marketing.

O melhor é que tudo isso pode e deve ser feito ao mesmo tempo, dentro de um plano e um calendário de ações. A conexão de todas essas ferramentas ajuda a criar autoridade, presença digital e, por fim, promover as vendas.

Não há dúvidas de que o e-commerce pode se beneficiar muito do marketing digital. Para isso, são necessários conhecimentos, profissionais capacitados e o investimento adequado.

Se você achou este conteúdo interessante, compartilhe nas suas mídias sociais para que mais pessoas possam aprender.

Postado por:
Flávia da Fonte
Tags