fbpx

Gestão das clínicas médicas em período de Natal: uma oportunidade ímpar de fidelização do cliente

Com a chegada do Natal, o varejo inicia suas estratégias para se preparar para a época de maior venda em todo o ano. E é claro que o setor precisa de muito planejamento e, evidentemente, está em maior destaque. Mas outro setor que também se movimenta muito nas últimas semanas do ano é o de clínicas médicas e hospitais.

Essa mudança de frequência ocorre em especial por causa do recesso: a maior parte das empresas concede alguns dias entre o Natal e o Ano-Novo para que os funcionários descansem, e é justamente nesse período que essas pessoas usam o tempo para se cuidar da saúde. Ou seja, “tiram o atraso” de consultas que precisavam ser feitas com menos urgência, o que aumenta a frequência do público em clínicas médicas.

Sendo assim, separamos seis dicas para otimizar melhor o uso de dados e trazer mais atendimentos para a data, que tem muito potencial para os negócios. Confira.

Atente-se ao marketing

Como o período é específico para as duas últimas semanas do ano – e, possivelmente, a primeira do próximo ano também –, é necessário promover campanhas de marketing assertivas e datadas. Ou seja, esse é um dos momentos propícios para avaliar a persona ideal e investir em material segmentado para ela.

Trabalhe as redes sociais

Embora uma parte considerável das pessoas faça a busca por clínicas médicas por meio do plano de saúde, uma boa parcela busca por boas recomendações nas redes. Assim, manter todo o conteúdo em alta, além de promover mais atendimentos, também auxilia nas métricas para entender qual é o tipo de público que acessa as páginas nesse período do ano.

Trabalhe a omnicanalidade da clínica

A tendência do atendimento é omnicanal – atua em diferentes canais e de forma integrada. É importante investir em uma integralização dos canais, ação que pode ser contratada por uma empresa terceira, e expandi-los para atender à necessidade do consumidor.

Invista na jornada do cliente

Não há marketing mais eficiente que o “boca a boca”, e, para gerar esse debate entre os clientes, é necessário investir na jornada do cliente, sempre em busca de proporcionar a ele a melhor experiência possível. Invista em medidores e monitores capazes de modificar, atualizar e adaptar a jornada.

Contrate reforços para auxiliar na gestão

Uma maneira eficiente de controlar bem o fluxo de fim de ano é por meio de consultorias e/ou contratos temporários para administração das clínicas. É possível contratar profissionais formados em gestão hospitalar EAD ou presencial para ajudar no período, o que potencializa os atendimentos.

Personalize o atendimento

Por fim, para garantir a tão sonhada fidelização para o próximo ano, uma boa dica é focar na personalização do atendimento, o que significa adaptá-lo a cada cliente.

Postado por:
Flávia da Fonte
Tags