fbpx

Há muito já passou a época de ter um site apenas para estar na internet. Muito embora a presença digital seja importante (falaremos mais sobre ela a seguir), criar um site para gerar negócios é a ideia que predomina hoje em dia.

Mais do que ter uma página no ar, manter um site ativo pode ser a porta de entrada dos seus clientes no negócio. Existem diversas formas de monetização por meio de um site. Mas antes é preciso pensá-lo como uma ferramenta estratégica para a geração de negócios para uma empresa.

Reunimos alguns pontos cruciais para que um site seja usado como uma plataforma de business.

Presença digital

O seu cliente lhe percebe nos meios digitais? Ele lembra de procurar sua marca na internet na hora da compra? Se as respostas a essas pergunta não forem satisfatórias, é hora de investir em presença digital. Estar presente onde o seu consumidor está é uma forma de ser sempre lembrado e escolhido no momento do consumo.

A presença de uma marca em diversas plataformas é também uma forma de direcionamento de tráfego para o site. Links em mídias sociais podem parecer simples, mas cumprem o papel de enviar visitantes para o site da empresa.

Com isso, há o aumento do número de visitantes, que entram no funil de vendas da empresa. Aí é só usar o site para gerar negócios, tendo-o como uma plataforma de conversão.

Otimização – SEO e SEM

Um site, como qualquer outra plataforma, precisa de divulgação para gerar negócios. Não é suficiente apenas ter um site e esperar que a monetização aconteça sem esforços. A otimização é um passo mais do que necessário para que o tráfego comece a se tornar volumoso.

Abordamos neste artigo as diferenças entre SEO e SEM, que são as ferramentas usadas para um site ser encontrado pelo público certo. Tanto os resultados orgânicos quanto os de leilão de palavras-chave contribuem para o direcionamento do tráfego. Um site não otimizado para os motores de busca tem pouca chance de competir pela atenção do público em tempos de alta concorrência na internet.

Mobile First

Se o Google é importante para pessoas encontrarem seu site, ele faz algumas exigência para entregar resultados. Desde 2016, o requisito é que os sites tenham uma versão responsiva, aquela com design adaptável a telas de diversos tamanhos.

O mobile first vem da constatação de que a maioria das buscas no Google são feitas por meio de smartphones e tablets. Logo, os resultados de buscas têm privilegiado sites adequados para esses dispositivos.

É de se esperar, portanto, que para um site gerar negócios é necessário fazer essa adaptação e entender a cultura do mobile como parte do novo comportamento do consumidor.

Design

Um site para gerar negócios deve oferecer uma boa experiência para os usuários. E este é o papel primordial do design. Cada vez mais os designers avançam para compreender as necessidades das pessoas e criam layouts e funcionalidades que facilitam a navegação e incrementam a percepção do usuário.

Um site bem estruturado não é apenas belo e funcional. Ele direciona olhares e ações para os elementos de conversão, como calls to action, formulários e botões de compra. O design, nesse sentido, considera a estratégia de marketing para dar-lhe a importância devida no desenvolvimento dos elementos gráficos de um site.

As pessoas acessam o site com um propósito, e as marcas e empresas têm seus objetivos. Cabe ao design fazer a conexão entre os interesses das pessoas e das empresas em um site para gerar negócios.

Nesta nova era do empoderamento das pessoas na internet, da migração das vendas para o e-commerce, do relacionamento como estratégia moderna de marketing, ter um site para gerar negócios é uma tendência consolidada. Ter um site que ofereça a melhor experiência para o usuário e conectado com a estratégia de marketing da empresa é primordial para a conquista de resultados.

Siga-nos nas redes sociais para estar sempre atualizado com os nossos artigos.